Data atual:10 de julho de 2020

5 dicas valiosas para exercitar seu cérebro

Exercitar o cérebro é igualmente importante quanto praticar exercícios físicos. O órgão é responsável pela nossa saúde mental, pelos registros de nossas memórias, pelo nosso raciocínio e pela nossa ampla compreensão do mundo à nossa volta.

Como a atividade cerebral é dinâmica, ou seja, os neurônios estão sempre em conexão uns com os outros, estimular esse processo faz com que as habilidades se fortaleçam e se prolonguem. Por isso, a importância de promover ações para que o cérebro trabalhe de maneira contínua e saudável.

1) Estimule o raciocínio lógico e rápido

Não é de hoje que especialistas aconselham a inclusão de jogos de palavras-cruzadas para que pessoas idosas possam exercitar sua capacidade de resolução de problemas.

Em tempos de internet e smartphones, dedicar algum tempo do dia para unir o útil ao agradável, tornou-se um desafio fácil.

Estão à disposição, na palma das mãos, milhares de opções de jogos de roleta, de estratégia, arcade e tantos outros, que são uma maneira simples e divertida para avaliar cenários e probabilidades, testar a criatividade, exercer a paciência, solucionar problemas e vencer desafios.

2) Promova o diálogo

Conversar com outras pessoas é um ótimo exercício para manter o cérebro saudável. Além do processo de socialização, de se sentir parte de um grupo, manter um diálogo saudável sobre temas interessantes e profundos estimula a capacidade de pensar e, consequentemente, fazer conexões, associações ou buscar fatos relacionados guardados na memória.

Uma boa conversa também ajuda no desenvolvimento da gramática e do vocabulário, a partir de um processo de observação e de aprendizagem com seu interlocutor.

3) Escreva sobre alguma coisa

Mesmo que você queira apenas expressar sua opinião nas redes sociais, compartilhar um artigo ou um post, dedique um tempo a essa tarefa.

Escrever exige reflexão, concentração, observação às regras gramaticais e ortográficas, além da criatividade, o que é um excelente exercício para o cérebro.

4) Aprenda coisas novas

Apender uma nova atividade requer bastante esforço do nosso cérebro. Você pode escolher entre aprender um novo idioma, se aventurar em aulas de dança, tocar um instrumento musical. Para todos esses ofícios, você precisará de paciência, memorização, persistência e criatividade.

O aprendizado gera novas experiências para o praticante, criando novas conexões em sua mente e, consequentemente, fortalecendo a atividade cerebral. Além disso, traz outros benefícios associados, como as sensações de bem-estar e autoconfiança.

5) Cuide do corpo

A atividade física está intimamente ligada ao bom funcionamento cerebral. Praticar exercícios promove a oxigenação do cérebro, ampliando o processamento das informações e estimulando a memória.

Uma alimentação balanceada também é responsável pelo melhor funcionamento de nosso cérebro. Proteínas, ômega-3 e ácidos graxos são verdadeiros alimentos para o cérebro e devem ser incluídos nas refeições regularmente.

O sono tem um papel fundamental em nossas vidas. Enquanto dormimos, o corpo elimina toxinas e cuida da restauração geral do organismo, para encarar a rotina do dia seguinte com energia e disposição. Por isso, uma boa noite de sono é essencial para reparar o desgaste cerebral ao longo de um dia.

Atualizado em:

Share
Arnold_rez

Estudante nas horas vagas e blogueiro em tempo integral. Fã de esportes e incrivelmente nerd ao que se trata do Batman. Gosto de escrever e compartilhar coisas interessantes para pessoas como eu, interessantes. :v